Deu ruim! Ministério Público toma providências contra Valdemiro Santiago , após ‘feijão mágico’

Compartilhe com os amigos:

O pastor Valdemiro Santiago é um dos nomes religiosos mais bizarros do país. Recentemente, no entanto, Valdemiro Santiago polemizou (mais uma vez) ao mostrar supostos “feijões mágicos” em vídeos divulgados na internet. Valdemiro Santiago falou nas imagens que estava vendendo um grão de feijão por R$ 1 mil. Tal feijão teria capacidade de abençoar as pessoas, de acordo com o pastor.

O poder da benção do feijão do pastor Valdemiro Santiago é tão grande que seria capaz, até mesmo, de curar o coronavírus. Como se sabe, ainda não existe uma cura para o coronavírus. Justamente, por conta disso, existe um cuidado de especialistas que mandam a população continuar na quarentena.

O caso do feijão que cura coronavírus, no entanto, acabou chegando ao Ministério Público Federal (MPF). A entidade mandou que o pastor retirasse o vídeo do ar em que fala sobre o feijão. O Ministério Público Federal, além de dar cinco dias para que o vídeo fosse tirado do ar, pediu ainda que a íntegra do material fosse preservado.

A entidade quer saber quantos acessos o material teve, quantos dias ele ficou no ar e, dessa forma, qual foi o poder negativo que ele teve nas pessoas.

Vale lembrar que só no Brasil o coronavírus já matou mais de 12,4 mil pessoas. Outras quase 180 mil ficaram infectadas com a doença. No mundo, são mais de 4,3 milhões de pessoas infectadas pela Covid-19. O número de mortos chegam a quase 300 mil pessoas em todo o planeta. Já os casos recuperados chegam a 1,6 milhão, mostrando também que dá para superar o vírus.