Colunista avalia que Gugu pagou um alto preço por esconder ser gay

Compartilhe com os amigos:

Ser apresentador de TV teve um duro preço ao apresentador Gugu. Dono de muitas marcas em seu nome e programas família, ele acabou não revelando uma paixão. Por sete anos, o apresentador vivia ao lado de outro homem. O chefe de cozinha Thiago Salvático anexou prints de conversas, fotos, áudios e outros materiais que provam essa relação entre os dois.

O objetivo do rapaz, assim como o de Rose Miriam (mãe dos filhos de Gugu Liberato), é ser colocado como um dos herdeiros do apresentador. No caso de Thiago, ele tenta a união estável parcial. O chefe de cozinha só quer parte da quantia que o apresentador ganhou durante o tempo em que eles ficaram juntos.

Já Rose Miriam tenta a metade de toda a fortuna do apresentador. A quantia é de R$ 1 bilhão. Como mostra a colunista Nina Lemos, do portal de notícias UOL, Gugu pagou um preço alto demais por esconder sua sexualidade e também não citar seus relacionamentos em seu testamento.

“Fato: ao ter a vida exposta dessa maneira, a família de Gugu parece pagar o preço pelo o apresentador não ter assumido em vida as suas escolhas, sejam elas quais fossem”, avalia a colunista, que acredita que os mais afetados por isso tudo são os filhos do apresentador.

“Não estou julgando alguém que já morreu. Estou falando que uma sociedade preconceituosa faz com que muitas pessoas paguem o preço’, avalia a contratada da UOL, que diz ainda que é difícil saber quem está certo ou errado numa situação como essa.