Traição com transexual seria o motivo da morte do pastor, marido de Flordelis, afirma site

Compartilhe com os amigos:

Uma notícia divulgada pelo site Misturando tem dado o que falar, pois segundo a publicação, o que teria motivado os filhos de Flordelis a matarem o Pastor Anderson do Carmo, seria o fato de que o religioso estaria traindo a esposa com uma transexual.

Vale ressaltar que o caso está sendo investigado pela polícia e até o momento a Justiça não condenou ninguém. Um dos filhos da deputada federal teria assumido o assassinato, mas Flordelis já disse que acredita na inocência dos filhos.

Os rumores que circulam na web é que a deputada e alguns dos filhos decidiram matar o Pastor porque ele vinha mantendo uma relação extraconjugal e o caso teria agravado ainda mais porque o religioso estaria se relacionando com uma transexual. Só que a polícia está investigando o caso e oficialmente, nada foi confirmado até o momento.

O que a polícia descartou até o momento é que tenha sido um crime político ou latrocínio. Flordelis chegou a dizer que o marido morreu salvando a família, pois impediu que ladrões entrassem na casa, mas quando um dos filhos da deputada federal assumiu o assassinato do Pastor Anderson, os investigadores vieram que havia muito mais a ser revelado neste caso.

Os filhos da deputada Flordelis, que são suspeitos da morte do pastor e foram presos, deverão ser transferidos para um presídio ainda hoje, mas o advogado deles já avisou que irá acionar o Direitos Humanos da Alerj.

Flavio dos Santos e Lucas dos Santos continuam presos. Os investigadores disseram que Lucas comprou a arma usada no crime e que Flávio admitiu que atirou 6 vezes no Pastor.

O advogado de defesa avisou que pedirá a anulação da confissão feita por Flávio, alegando que há ‘vícios’ no depoimento e que ele pode até mesmo ter sido coagido a assumir a autoria do crime.