Pr0stituta Bruna Surfistinha provoca Bolsonaro e recebe uma avalanche de críticas

Compartilhe com os amigos:

Raquel Pacheco, conhecida como Bruna Surfistinha, voltou a soltar o verbo contra Jair Bolsonaro (sem partido). Desta vez, a garota de programa provocou o presidente da República com uma cobrança.

“Ei @jairbolsonaro, pode me tirar uma dúvida? Por que você repassou R$ 7,5 milhões destinados a testes de COVID para um projeto da primeira dama?”, questionou a escritora, que já foi alvo de ataques do presidente.

Em 2019, o político declarou que não podia “admitir que façam filmes como o da Bruna Surfistinha”. “Não quero filme nem de Bolsonaro, nem Bruna Surfistinha. Se quiser fazer do Bolsonaro…Até estão estudando. Mostra a verdade, mas não com dinheiro público, como foi o vexame do Lula, O Filho do Brasil. Pelo amor de Deus! Eu não sei quantos milhões custou aquele filme, mas dinheiro para contar uma mentira sobre quem foi o Lula”, disparou para a jornalista Leda Nagle.

Na época, em entrevista ao jornal O Globo, Roberto Berliner, produtor do filme da garota de programa, reagiu: “Vou continuar falando de prostituição e hipocrisia”.

Já no último dia 23 de agosto, Bruna Surfistinha foi xingada na internet por participar da mobilização que questionou Bolsonaro sobre os depósitos de Fabrício Queiroz na conta da primeira-dama Michelle Bolsonaro.