Pai estupra filha de 10 meses e depois pesquisa no Google “como saber se bebê está morto”

Compartilhe com os amigos:

Um homem foi preso depois que a filha dele, de apenas 10 meses, morreu ao dar entrada em um hospital com sinais de violência sexual . O caso ocorreu no condado de Montgomery, no estado americano da Pensilvânia. As informações são do canal Fox 29.

De acordo com as autoridades locais, Zara Scruggs foi internada no domingo à noite, depois de ser encontrada desacordada, e morreu no hospital. Exames no corpo da bebê constataram a agressão sexual e um trauma na cabeça.

As suspeitas recaíram sobre o pai na menina, Austin Stevens , de 29 anos. A investigação mostrou que, antes de ligar para a emergência, o homem fez pesquisas no Google por temos como “se o bebê parar de respirar”, “meu bebê não está respirando” e “como sei se um bebê está morto”.

“Este caso é profundamente perturbador. É difícil imaginar que a morte dessa criança poderia ser mais traumática: abuso sexual infantil , seguida da inação do pai para salvar a vida dela, que levou à morte”, disse o promotor Kevin Steele.

Stevens agora enfrenta acusações equivalentes a atendado violento ao pudor, estupro de vulnerável, lesão corporal e negligência. Ele se encontra preso, com fiança estabelecida em 1 milhão de dólares. A audiência preliminar sobre o caso está marcada para o dia 13 de outubro.