Governo fala sobre abono emergencial de Natal no valor de R$800,00

Compartilhe com os amigos:

Circula pelas redes sociais a informação de que o governo federal vai fazer o pagamento de um abono emergencial de Natal no valor de R$ 800. A mensagem ganhou as redes e tem circulado também em grupos dos WhatsApp. A informação é falsa e foi refutada pelo Ministério da Cidadania.

“Já esta disponível o cadastramento para o abono emergencial de Natal no valor de R$800 por CPF. Cadastramento válido para: beneficiários do auxílio emergencial, Bolsa Família e pensionistas. Cadastramento liberado até o dia 26/10/2020”, diz a mensagem que circula pelas redes sociais. Há ainda um site para clicar e se cadastrar.

Em nota, o Ministério da Cidadania informou que a suposta notícia que circula nas redes sociais é falsa. No texto, a pasta citou a lei que garante o pagamento do Auxílio Emergencial e refutou o pagamento de R$ 800 no natal.

Outro ponto importante comentado pelo Ministério da Cidadania é que o cadastramento para recebimento do Auxílio Emergencial foi encerrado no dia 2 de julho. Desde então, só recebe quem teve o cadastro aprovado. Quem não se cadastrou até esse dia ficou sem o benefício.

Auxílio Emergencial será pago até dezembro

O Auxílio Emergencial começou a ser pago pelo governo federal em abril. No início, foram três parcelas de R$ 600. O governo prorrogou o pagamento por mais dois meses. Em agosto, foi anunciado mais quatro parcelas de R$ 300.

O pagamento seguirá até dezembro. Em 2021, não haverá pagamento do benefício que foi pago a cerca de 67 milhões de brasileiros neste período de pandemia do coronavírus.