Falsificação : Notas de R$ 200 estão circulando no Rio de Janeiro mesmo antes de serem lançadas pelo Banco Central

Compartilhe com os amigos:

Banco Central do Brasil anunciou recentemente a inclusão de um novo valor de cédulas para a família do Real, cujo valor será de 200 unidades monetárias (R$ 200). O lançamento oficial está previsto para acontecer nas próximas semanas. Entretanto, falsificadores do Rio de Janeiro já colocaram réplicas da cédula em circulação pelo comércio. Registros foram feitos por moradores de Madureira, Zona Norte do Rio, e impressionam pela audácia.

As características da nova nota de R$ 200 nem sequer foram definidas pelo Banco Central. O que se sabe até o momento é que ela terá uma cor alaranjada, e será estampada pelo Lobo-Guará, animal representante da fauna nacional, que ilustrará a cédula.

“Como a nota de R$ 200 ainda não foi lançada e nem está em circulação, obviamente estamos diante de um caso de falsificação. A falsificação de notas, como sabemos, é crime”, afirmou o Banco Central em comunicado público. O lançamento oficial da nova cédula está marcado para acontecer no fim do mês de agosto.

Falsificação é crime

O mesmo órgão recorda que o ato de falsificar cédulas de circulação nacional é crime, tipificado pelo artigo 289 do Código Penal. A pena pode variar de 3 a 12 anos de prisão. Já a pessoa que recebe a nota, mesmo que de boa-fé, e a põe em circulação sabendo que se trata de uma falsificação, também pode ser responsabilizado, com penas que varia de 6 meses a 2 anos de detenção.

As imagens circulam com força pelas redes sociais, e estão chamando a atenção dos internautas. A Polícia Federal ainda não se manifestou sobre o caso, tampouco há confirmações sobre possíveis investigações em andamento.