Apresentador Leandro Narloch é demitido da CNN, após homofobia em comentário sobre gays e HIV

Compartilhe com os amigos:

Terminou ruim a relação de Leandro Narloch com a CNN Brasil. O apresentador e comentarista do canal a cabo acabou sendo demitido, após comentários considerados homofóbicos. A revelação foi feita na coluna do Fefito, publicada pelo portal de notícias UOL nesta sexta-feira, 10 de julho.

Apresentador da CNN é demitido após fala sobre gays e HIV

A demissão de Leandro Narloch teria ocorrido no começo da tarde desta sexta. Nos últimos dias, ele fez um comentário mal aceito, após associar a promiscuidade com homossexuais. No momento do comentário, o agora ex-apresentador da CNN comentava a decisão que permite agora gays a doarem sangue.

Com a demissão do apresentador, a CNN Brasil ainda não teria um substituto para o lugar de Leandro Narloch. Alguns termos usados pelo comunicador também teria irritado a comunidade LGBT,  como “opção sexual”. O jornalista chegou a tentar se redimir nas redes sociais, mas não foi bem aceito.

Na época do comentário, muitas pessoas foram duras com Leandro Narloch.  “A CNN Brasil achou que seria uma boa ideia colocar o Leandro Narloch pra comentar a liberação de gays para doar sangue pelo STF. Aí ele falou essa bobagem aí”, disse um dos internautas acusando o jornalista de homofobia.