A história do homem sem braços que alimenta a mãe doente te levará às lágrimas

Compartilhe com os amigos:

Enquanto muito filhos se eximem da obrigação de cuidar dos pais, esse chinês de 29 anos, que tinha tudo para ser mais uma vítima das circunstâncias, se recusa a abandonar a mãe em um momento de dificuldade. Chen Zifang nasceu sem os braços, mas isso não é empecilho para que ele se supere e cuide da senhora.

Internada em um hospital de Enshi, uma província de Hubei, na China, a idosa necessita de cuidados especiais que o hospital não pode fornecer. O filho, mesmo com a dificuldade aparente, consegue ajudá-la a ir ao banheiro, tomar remédios, alimentar-se e até mesmo pentear os cabelos.

A notícia ganhou destaque no Jornal oficial do governo chinês, o Partido Comunista Chinês. A versão do periódico em língua inglesa People’s Daily publicou a matéria que rapidamente se espalhou pelo mundo.

Quando Chen tinha 9 meses de idade, seu pai morreu e, desde então, foram só ele, um irmão e a mãe. A forte mulher ensinou o filho a não sucumbir diante das dificuldades e limitações. Treinado desde sempre a realizar tarefas com os pés, Chen tem uma habilidade fantástica e incomum com os membros inferiores.

Desde que ficou viúva, a mulher começou a apresentar problemas de saúde. Mais tarde, o irmão de Chen se casou e passou a viver em outra casa, foi quando o jovem passou a ajudar a mãe em todas as tarefas domésticas. Quando a senhora precisou ser internada, o filho continuou ao seu lado.

O Jornal destaca a excelência com que o rapaz executa as tarefas do dia-a-dia, e a incrível flexibilidade e habilidade dos dedos dos pés do chinês. Ele segura o hashi, palitos que os orientais usam como talheres, com perfeição. Ele faz tudo que uma pessoa comum faz com as mãos, inclusive troca a bolsa de soro.
Essa e outras histórias mostram que nem sempre as limitações são culpadas pelo fracasso.